sexta-feira, 17 de junho de 2011

Festival famoso por promover salsichas proíbe carne em dia de show de Morrissey


Um festival de música na Bélgica, famoso por servir salsichas de carne de cavalo, o Lokerse Feesten, não vai servir nenhum tipo de carne no dia do show de Morrissey, ex-vocalista dos Smiths e conhecido ativista vegetariano.

O festival, que dura dez dias, vai ordenar que as bancas de alimentos vendam apenas comida vegetariana no dia 4 de agosto. Os organizadores afirmam que "um dia sem carne" em meio aos dez dias do festival é "uma pausa saudável para todos" e que foi uma "um desafio bem-vindo por um dia". "Nossas bancas de comida servirão a você uma variedade de pratos saudáveis vegetarianos", afirmou o site do Lokerse Feesten.
Ainda na página do festival, os organizadores afirmam que as bancas que vendem alimentos foram do perímetro do festival "não serão afetadas por esta mudança e vão oferecer seus produtos de sempre". Os organizadores do Lokerse Feesten - que também trará shows de Primal Scream, Interpol e Robert Plant -, disseram que "sonharam" em marcar o show de Morrissey para a edição de 2011 durante um ano. "Trabalhamos nisso por muitos meses, durante semanas esperamos por uma resposta, ficamos sem dormir muitas noites", afirmaram no site do festival.

Coachella

Em 2009, Morrissey abandonou o show que estava fazendo no festival de Coachella, na Califórnia, depois de sentir o cheiro de churrascos que estavam sendo assados em bancas que vendiam comida no festival. Durante sua apresentação, Morrissey declarou que podia "sentir cheiro de carne queimando". Segundo a plateia do show, depois deste comentário, o ex-vocalista dos Smiths acrescentou: "E eu espero que seja (carne) humana" e saiu do palco. Morrissey é vegetariano convicto. Em 1985, os Smiths lançaram um álbum chamado Meat is Murder ("Carne é Assassinato", em tradução livre).

Fontes: ISKCON Bahia; BBC Brasil


Compartilhar

.

Nenhum comentário:

Postar um comentário