sábado, 21 de fevereiro de 2015

Uma mensagem de Natal - Jesus shaktyavesha-avatara




Uma mensagem de Natal
Por:  Narayana Maharaj
North Shore, Havaí: 25 de Dezembro de 2006


Hoje é dia de Natal, o nascimento de Jesus Cristo. Na Europa e em outros países, quase ninguém sabe o que Jesus Cristo estava fazendo em sua juventude, em torno de 15 anos de idade. A história indiana mostra que ele estava na Índia, onde visitou Vrindavana, Ayodya, Jagannatha Puri, e outros lugares de peregrinação. Em Vrndavana ele ouviu o nome da Suprema Personalidade de Deus, Krishna, e quando ele foi para Jagannath Puri, ouviu os nativos pronunciar Krsna como Krusna ou Krusta. Mais tarde, Krusta tornou-se Khristos. Mais tarde, Khristos tornou-se Christos, e, então, Christus, de modo que a mudança de nome é na verdade apenas uma diferença de dialeto. * [Ver nota de rodapé 1]


Quando Jesus retornou para a Galiléia, ele pregou a mesma devoção que tinha aprendido na Índia. Por sua misericórdia, seus seguidores pregaram a missão de Deus em todos os lugares, e foi, portanto, gradualmente distribuída nos países ocidentais.


Não existe muitos deuses, existe somente Um. Na Bíblia está escrito: "Deus criou o homem à Sua própria imagem." Se o Senhor Supremo, Deus, não tem forma, então como Ele pode criar tantos mundos e tantas formas? Deus tem forma. Ele têm todas as qualidades.


"Cristo" significa "Krsna ', o Único, o Senhor Supremo. Na Bíblia vemos que Deus tem uma forma transcendental. Jesus O chamou de Pai, portanto existe alguma relação. Estamos apurando os cristãos porque seguimos totalmente este entendimento. Muitos dos que se dizem cristãos na realidade não seguem o cristianismo, porque eles dizem que Deus não tem forma, mas a Bíblia diz que Deus realmente tem uma forma e que essa forma é transcendental.


Hoje, no aniversário de Jesus, nós estamos honrando-o. Ele foi uma manifestação de Deus chamado shaktyavesha-avatara. Deus o deu poder, e é por isso que ele foi capaz de pregar em toda parte. Krsna é muito misericordioso — muito, muito misericordioso. Ele é tão bonito, Suas qualidades são transcendentais, e a música de Sua flauta é tão doce que atrai a todos. Nós nos esquecemos dEle. Somos Sua parte integrante; ou seja, somos Seus servos ou servas, se aceitarmos isso ou não. Nós nos esquecemos dEle, e é por isso que maya (energia material do Senhor, potência ilusória) nos levou a este mundo.


Ninguém pode ser feliz neste mundo, que é como uma prisão. Maya, a potência ilusória de Sri Krsna mantém aqueles que se esqueceram dEle nesta prisão, e qualquer um que quer a felicidade aqui é uma pessoa tola. Ninguém pode ser feliz na prisão. Apenas os vigias — policiais da prisão — podem ser felizes, e eles são devotos. Somente os devotos podem ser felizes neste mundo.


Sri Krsna misericordiosamente deu este corpo humano, o qual é muito forte, como um barco. Ele colocou um capitão neste barco, e o capitão é Sri Gurudeva. Os ventos favoráveis ​​estão soprando muito rápido, e estes ventos são sadhu-sanga, a associação de devotos. Por exemplo, enquanto vocês permaneceram em suas casas, nós viemos da Índia.


Um dos deuses mensageiros foi Srila Bhaktivedanta Swami Maharaja. Srila Swami Maharaja foi de porta em porta, para as ilhas no meio dos oceanos, no topo das montanhas, e nas profundezas das florestas. Ele passou em todos os lugares e pregou. Quão misericordiosos são Krsna e Seus associados!


Tendo todas essas facilidades, se você não aproveitar a oportunidade para autorrealizar-se, para perceber que você é alma e que a Superalma, Krsna está presente com você, então você está cometendo suicídio espiritual. *[ Ver nota 2]


Então não perca um minuto de seu tempo sem adorar Krsna. Dinheiro, casas, cães, gatos, carros, e tantas outras coisas que você está acumulando não pode lhe ajudar no momento da sua morte. Você terá que ir sozinho, e para onde você vai, você não sabe. Então não perca tempo. Todas as facilidades estão disponíveis, assim você é muito afortunado. A única meta e objetivo desta vida deve ser esta: "Autorrealização e Krishna, e desenvolvimento de bhakti pura.”


Krishna é imotivadamente misericordioso. Ele tem todos os poderes, e Ele investiu todos os seus poderes e qualidades em Harinama (Seus santos nomes):


Hare Krsna Hare Krsna Krsna Krsna Hare Hare
Hare Rama Hare Rama Rama Rama Hare Hare


Os nomes de Krishna são mais poderosos do que o próprio Krishna. Esses nomes podem parar a sua dor sem fim de nascimento e morte, e eles podem te dar amor por Krsna. Você deve cantar e lembrar os doces passatempos de Krsna com grande honra e forte crença.


Krsna vive em Goloka Vrndavana com Seus associados - Nanda Baba, Mãe Yasoda, Sridama, Subal, Madhumangala, e as gopis, incluindo Srimati Radhika. Ele sempre atua lá. Ele pensa: "os meus servos e servas se esqueceram de mim". A fim de salvá-los, portanto, Ele desce com todos os seus associados neste mundo material e realiza muitos doces passatempos aqui. Ele é ilimitado, Ele está além da limitação do comprimento e largura, dentro ou fora; Ele está em toda parte.


Todos os mundos estão dentro de Sua barriga, e ainda Mãe Yasoda amarra-O com a corda de seda que prende a trança  de Seus cabelos. Ele gentilmente ergueu a grande montanha Govardhana e segurou-a durante sete dias em seu mindinho esquerdo. Naquela época, Ele disse a todos os Vrajavasis, "Venham para debaixo de Govardhana. Eu vou salvá-lo das chuvas torrenciais enviadas por Indra. "


Em Vrindavana Ele matou tantos demônios, como Aghasura e Bakasura. Ele matou Kamsa, que era tão forte como 10.000 elefantes. Ele também matou tantos demônios em Dvaraka, através de Bhima e Arjuna; Ele matou tantos na Guerra do Mahabharata, como Dronacarya e Bhisma. Todos os guerreiros tinham incomparável força imensa, mas todos eles foram mortos por Krishna. Paundraka Vasudeva, Shishupala, Kalayavana, e tantos outros demônios também foram mortos por Ele.


No final de Seus passatempos manifestos, Ele tomou consigo os seus associados de Dvaraka que estavam sob o disfarce em Sua guerra santa e eles mataram uns aos outros. Assim, Ele removeu o fardo da Terra, e então ascendeu com Seus eternos associados à Sua Goloka Vrndavana. Ele executou tais doces passatempos. Como Ele é misericordioso!


Ele veio como Senhor Ramachandra, com Sita, Lakshmana, Bharata, Sratrugna, e Hanuman, e nessa forma Ele foi muito comovente, foi de cortar o coração os passatempos. Ravana seqüestrou Sita-devi, e Hanuman descobriu onde ela estava. Com a ajuda de macacos e ursos Ramachandra construiu uma ponte sobre o oceano, e Ele matou Ravana e todo seu exército. Sita é a energia espiritual eterna de Rama, mas Ele deixou-a ir. Este é um passatempo muito triste, então por que Ele fez isso? Ele pensou: “As pessoas vão ouvir ou ler meus passatempos e se envolver em bhakti (serviço devocional) para mim. Bhakti é tão poderosa que é capaz de tirar toda a malícia e manifestar o amor puro em seu coração. Eles serão liberados, eles se juntarão a mim no meu serviço e tornarão-se felizes.”


Bhakti é um método muito fácil de chegar a Deus.


Se você não pode orar, então simplesmente ofereça respeitosas reverências. Se você cantar nomes de Deus e dançar, ou até mesmo cantar em voz alto enquanto anda, ou mesmo se você cantar suavemente na mente, ou mesmo se você der o nomeu ao seu cão ou gato ou vaca de Narayana, Krishna, ou qualquer um dos nomes de Deus, você será liberado de uma só vez, como Ajamila. [* Ver nota 3]


Meu pedido é que você não deve desperdiçar esta vida humana. Não fique sempre ocupado em fazer dinheiro. Mesmo que você se torne mais rico do que Bill Gates, ainda assim, você não poderá ser feliz. Portanto, tente se envolver neste método muito fácil de bhakti. Então, você será liberado de todas as misérias, e você será feliz para sempre.


[* Nota 1]:
Prabhupada: Religião cristã é, na prática, a partir do nome que aparece — 'Christian' e 'Krsnian'. Palavra original deste "Cristo" vem da palavra grega "Kristo".


Dr. Weir: Ungido.


Prabhupada: Sim. Este 'Christa' é Krsna.


Dr. Wei r: A partir do sânscrito?


Prabhupada: Sim. Krsta é a palavra popular para Krsna. E Krsna está sempre ungido com tilaka. Acompanhamos isso, tilaka, Krsna, ungido com essa polpa de sândalo. Então, até agora, eu acho que há algum relacionamento muito próximo com esse "Christian" e "Krsnian”. Krsta significa 'amor', o amor de Deus ou o amor. (Conversa no quarto, 04 de setembro de 1971, Londres).


Padre Emmanuel: Eu acho que Jesus, como o filho de Deus, nos revelou o nome real de Deus: Cristo. Podemos chamar Deus de "Pai", mas se queremos dirigir a Ele pelo seu efetivo nome, temos de dizer 'Cristo'.


Srila Prabhupada: Sim. "Cristo" é outra maneira de dizer Krsta, e 'Krsta' é uma outra maneira de pronunciar o nome de Deus, Krsna. Jesus disse que devemos glorificar o nome de Deus, mas ontem eu ouvi um teólogo dizer que Deus não tem nome, que podemos chamá-lo apenas de "Pai". Um filho pode chamar seu pai de "pai", mas o pai também tem um nome específico. Da mesma forma, "Deus" é o nome geral da Suprema Personalidade de Deus, cujo nome específico é Krsna. Portanto se você chamar Deus de 'Cristo', 'Krsta' ou 'Krsna', em última análise, você está abordando a mesma Suprema Personalidade de Deus.


Padre Emmanuel: Sim, se falamos do efetivo nome de Deus, então devemos dizer: "Christos". Em nossa religião, temos a Trindade: o Pai, o Filho e o Espírito Santo. Acreditamos que podemos saber o nome de Deus apenas pela revelação do filho de Deus. Jesus Cristo revelou o nome do Pai, e, portanto, nós recebemos o nome ‘Cristo’ como o nome revelado de Deus.


Srila Prabhupada: Na verdade, não importa — Krsna ou Cristo — o nome é o mesmo. O ponto principal é seguir as injunções das escrituras védicas que recomendam cantar o nome de Deus nesta era. A maneira mais fácil é cantar o maha-mantra: “Hare Krishna, Hare Krishna, Krishna Krishna, Hare Hare / Hare Rama, Hare Rama, Rama Rama, Hare Hare" (Ciência da Autorrealização, Capítulo 4).


"Sim. Krishna significa "o amante supremo e amado". Ele atrai a todos. Há uma palavra grega, Krista. O significado é o mesmo, 'amor'. E a partir deste Krista, a palavra Cristo veio. Portanto, esta palavra de Cristo também tem conexão com Krsna. (13 de abril de 1975, palestra sobre o livro Srimad-Bhagavatam).


[* Nota 2]:
nr-deham adyam su-su-labham durlabham
Plavan su-kalpan guru-karnadharam
mayanukulena nabhasvateritam
Puman bhavabdhim na taret sa atma-ha


O corpo humano, que pode receber todos os benefícios nesta vida, é obtido automaticamente pelas leis da natureza, embora seja uma conquista muito rara. Este corpo humano pode ser comparado a um barco perfeitamente construído tendo o mestre espiritual como o capitão e as instruções da Personalidade de Deus como ventos favoráveis ​​impelindo-o em seu curso. Considerando todas essas vantagens, um ser humano que não utiliza a sua vida humana para atravessar o oceano da existência material deve ser considerado o assassino de sua própria alma. (Srimad-Bhagavatam 11.20.17)


[* Nota 3]:
"Ajamila era um residente de Kanyakubja (a Kanauj moderna). Ele foi treinado por seus pais para se tornar um brahmana perfeito estudando o Vedas e seguindo os princípios reguladores, mas por causa de seu passado, este brahmana jovem estava de alguma forma atraído por uma prostituta, e por causa de sua associação tornou-se mais caído e abandonou todos os princípios regulativos. Ajamila gerou no ventre da prostituta dez filhos, o último dos quais foi chamado Narayana. Na época da morte de Ajamila, quando os encarregados de Yamaraja vieram para levá-lo, ele, com medo, chamou o nome Narayana em voz alta pois era o nome de seu filho mais novo. Assim, ele se lembrou do Narayana original, o Senhor Vishnu. Ele não cantou o santo nome de Narayana completamente sem ofensas, no entanto o fez. Assim que ele cantou o santo nome de Narayana, os encarregados do Senhor Vishnu apareceram imediatamente em cena. A discussão se seguiu entre os encarregados do Senhor Vishnu e os de Yamaraja, e por ouvir a discussão, Ajamila foi liberado. Ele pode, então, entender o efeito ruim das atividades fruitivas e também conseguir entender quão exaltado é o processo de serviço devocional. (Srimad-Bhagavatam 6.1 Resumo por Srila Bhaktivedanta Swami Prabhupada Maharaja).

(Narayana Maharaj)
Texto original em inglês e link:
http://www.purebhakti.com/teachers/bhakti-discourses-mainmenu-61/25-discourses-2006/794-a-christmas-message.html

A Christmas Message
Tridandisvami Sri Srimad Bhaktivedanta Narayana Gosvami Maharaja
North Shore, Hawaii: December 25, 2006

Today is Christmas Day, the birthday of Jesus Christ. In Europe and other countries, hardly anyone knows what Jesus Christ was doing in his youth, at around 15 years of age. Indian history shows that he was in India, where he visited Vrndavana, Ayodya, Jagannatha Puri, and other pilgrimage places. In Vrndavana he heard the name of the Supreme Personality of Godhead, Krsna, and when he went to Jagannath Puri he heard how the local persons pronounce Krsna as Krusna or Krusta. Later, Krusta became Christos. Later, Krusta became Christos (or Khristos) , and then Christus , so the change in name is actually only a difference in language. *[See Endnote 1]

When Jesus returned to Galilee from India, he preached the same devotion he had learned in India. By his mercy, his followers preached the mission of God everywhere, and it was therefore gradually distributed in Western countries.

There are not many Gods – There is only One. In the Bible it has been written: “God created man after His own image.” If the Supreme Lord, God, has no form, then how can He create so many worlds and so many forms? God has form. He has all qualities.

‘Christ’ means ‘Krsna’, the One without a second, the Supreme Lord. In the Bible we see that God has a transcendental form. Jesus has called him father, so there is some relation. We are refined Christians because we totally follow this understanding. Many of those who call themselves Christians don’t truly follow Christianity, because they say that God is formless, but the Bible actually tells that God has a form and that form is transcendental.

Today, on the birthday of Jesus, we are giving honor to him. He was a manifestation of God called saktyavesa-avatara. God has empowered him, and that is why he was able to preach everywhere.Krsna is very merciful – very, very merciful. He is so beautiful, His qualities are transcendental, and the song of His flute is so sweet that it attracts everyone. We have forgotten Him. We are His part and parcel; that is, we are His servants or maidservants, whether we accept this or not. We have forgotten Him, and that is why maya (the Lord’s material, deluding potency) has taken us to this world.

No one can be happy in this world, which is like a prison. Sri Krsna’s deluding potency maya keeps those who have forgotten Him in this jail, and anyone who wants happiness here is a foolish person. No one can be happy in jail. Only the watchmen – police of the jail – can be happy, and they are devotees. Only devotees can be happy in this world.

Sri Krsna has mercifully given this human body, which is very strong, like a boat. He has placed a captain in this boat, and that captain is Sri Gurudeva. The favorable winds are blowing very fast, and these winds are sadhu-sanga, the association of devotees. For example, while you remained in your homes, we came from India.

One of Gods messengers was Srila Bhaktivedanta Swami Maharaja. Srila Swami Maharaja went door to door, to islands in the midst of oceans, on the top of hills, and in the depths of forests. He went everywhere and preached. How merciful are Krsna and His associates!

Having all these facilities, if you do not take the opportunity to realize your self, to realize that you are soul and that the Supersoul, Krsna is present with you, then you are committing spiritual suicide. [*See Endnote 2]

So don’t waste a minute’s time without worshipping Krsna. The money, houses, dogs, cats, cars, and so many other things you are collecting cannot give you any help at the time of death. You will have to go alone, and where you will go, you don’t know. So don’t waste time. All facility is available, so you are very fortunate. The only aim and object of this life should be this: ‘Realization of my self and Krsna, and performance of pure bhakti.’

Krsna is causelessly merciful. He has all powers, and He has invested all His powers and qualities in harinama (His holy names):

Hare Krsna Hare Krsna Krsna Krsna Hare Hare
Hare Rama Hare Rama Rama Rama Hare Hare

Krsna’s names are more powerful than Krsna Himself. These names can stop your pain of endless birth and death, and they can give you love for Krsna. You should chant and remember the sweet pastimes of Krsna with great honor and strong belief.

Krsna lives in Goloka Vrndavana with His associates – Nanda Baba, Mother Yasoda, Sridama, Subal, Madhumangala, and the gopis, including Srimati Radhika. He always plays there. He thinks, “My servants and maidservants have forgotten Me.” In order to deliver them, He therefore descends with all of His associates in this material world and performs so many sweet pastimes here. He is unlimited, He is beyond the limitation of length and breadth, inside or outside; He is everywhere.

All worlds are within His belly, and yet Mother Yasoda binds Him with the silken rope which holds her hair in a braid. He kindly picked up the great mountain Govardhana and held it for seven days on His left pinky. At that time He told all the Vrajavasis, “Come under Govardhana. I will save you from the rains arranged by Indra.”

In Vrndavana He killed so many demons, like Aghasura and Bakasura. He killed Kamsa, who was as strong as 10,000 elephants. He also killed so many demons in Dvaraka, through Bhima and Arjuna; He killed so many in the Mahabharata War, such as Dronacarya and Bhisma. All the warriors had unparalleled immense strength, but they were all killed by Krsna. Paundraka Vasudeva, Sisupala, Kalayavana, and so many other demons were also killed by Him.

At the end of His manifest pastimes, He took with Him His associates from Dvaraka as they were in the guise of their fighting and killing each other. Thus He removed the burden of the Earth, and then ascended with His eternal associates to His Goloka Vrndavana. He performed such sweet pastimes. How merciful He is!

He came as Lord Ramacandra, with Sita, Laksmana, Bharata, Sratrugna, and Hanuman, and in that form He performed very pathetic, heart-rending pastimes. Ravana kidnapped Sita-devi, and Hanuman discovered where She was. With the help of monkeys and bears Ramacandra built a bridge over the ocean, and He killed Ravana and Ravana’s entire army. Sita is Rama’s eternal spiritual energy, but He sent Her away. This is a very sad pastime, so why did He do this? He thought: People will hear or read My pastimes and engage in bhakti (devotional service) to Me. Bhakti is so powerful that it is able to take out all the malice and manifest pure love in their heart. They will be liberated, they will join Me in My service and become happy.

Bhakti is a very easy method to reach God.

If you cannot pray, then simply offering respectful obeisances will do. If you sing God’s names and dance, or even chant loudly while walking, or even if you chant softly in the mind, or even if you name your dog or cat or cow Narayana, Krsna, or any of Gods names, you will be liberated at once, like Ajamila. [*See Endnote 3]

My request is that you should not waste this human life. Don’t be always engaged in money-making. Even if you become more wealthy than Bill Gates, still, you cannot be happy. So try to engage in this very easy method of bhakti. Then you will be liberated from all miseries, and you will be happy forever.

[*Endnote 1:

Prabhupada: Christian religion is practically, from the name it appears – ‘Christian’ and ‘Krsnian’. Original word of this ‘Christ’ comes from the Greek word ‘Kristo’.

Dr. Weir: Anointed.

Prabhupada: Yes. This ‘Christa’ is Krsna.

Dr. Weir: From the Sanskrit?

Prabhupada: Yes. Krsta is the popular word for Krsna. And Krsna is always anointed with tilaka. We follow this, tilaka, Krsna, anointed with this sandal pulp. So, so far I think, there is some very near relationship with this ‘Christian’ and ‘Krsnia’. Krsta means ‘love’, love of Godhead or love.” (Room Conversation, September 4, 1971, London).

Father Emmanuel: I think Jesus, as the son of God, has revealed to us the actual name of God: Christ. We can call God ‘Father’, but if we want to address Him by His actual name, we have to say ‘Christ’.

Srila Prabhupada: Yes. ‘Christ’ is another way of saying Krsta, and ‘Krsta’ is another way of pronouncing the name of God, Krsna. Jesus said that one should glorify the name of God, but yesterday I heard one theologian say that God has no name-that we can call Him only "Father." A son may call his father ‘Father’, but the father also has a specific name. Similarly, ‘God’ is the general name of the Supreme Personality of Godhead, whose specific name is Krsna. Therefore whether you call God ‘Christ’, ‘Krsta’ or ‘Krsna’, ultimately you are addressing the same Supreme Personality of Godhead.

Father Emmanuel: Yes, if we speak of God's actual name, then we must say, "Christos." In our religion, we have the Trinity: the Father, Son, and the Holy Spirit. We believe we can know the name of God only by revelation from the Son of God. Jesus Christ revealed the name of the father, and therefore we take the name Christ as the revealed name of God.

Srila Prabhupada: Actually, it doesn't matter – Krsna or Christ – the name is the same. The main point is to follow the injunctions of the Vedic scriptures that recommend chanting the name of God in this age. The easiest way is to chant the maha-mantra: Hare Krsna, Hare Krsna, Krsna Krsna, Hare Hare/ Hare Rama, Hare Rama, Rama Rama, Hare Hare.” (Science of Self Realization, Chapter 4).
“Yes. Krsna means ‘the supreme lover and beloved’. He attracts everyone. There is one Greek word, krista. The meaning is the same, ‘love.’ And from this Krista, the word Christ has come. So this word Christ also has connection with Krsna.” April 13, 1975 Srimad-Bhagavatam lecture)

[*Endnote 2:

nr-deham adyam su-labham su-durlabham
plavan su-kalpan guru-karnadharam
mayanukulena nabhasvateritam
puman bhavabdhim na taret sa atma-ha

The human body, which can award all benefit in life, is automatically obtained by the laws of nature, although it is a very rare achievement. This human body can be compared to a perfectly constructed boat having the spiritual master as the captain and the instructions of the Personality of Godhead as favorable winds impelling it on its course. Considering all these advantages, a human being who does not utilize his human life to cross the ocean of material existence must be considered the killer of his own soul.” (Srimad-Bhagavatam 11.20.17)]

[*Endnote 3:

“Ajamila was a resident of Kanyakubja (the modern Kanauj). He was trained by his parents to become a perfect brahmana by studying the Vedas and following the regulative principles, but because of his past, this youthful brahmana was somehow attracted by a prostitute, and because of her association he became most fallen and abandoned all regulative principles. Ajamila begot in the womb of the prostitute ten sons, the last of whom was called Narayana. At the time of Ajamila's death, when the order carriers of Yamaraja came to take him, he loudly called the name Narayana in fear because he was attached to his youngest son. Thus he remembered the original Narayana, Lord Visnu. Although he did not chant the holy name of Narayana completely offenselessly, it acted nevertheless. As soon as he chanted the holy name of Narayana, the order carriers of Lord Visnu immediately appeared on the scene. A discussion ensued between the order carriers of Lord Visnu and those of Yamaraja, and by hearing that discussion Ajamila was liberated. He could then understand the bad effect of fruitive activities and could also understand how exalted is the process of devotional service.” (Srimad-Bhagavatam 6.1 Summary by Srila Bhaktivedanta Swami Maharajá Prabhupada)]

Nenhum comentário:

Postar um comentário