terça-feira, 21 de março de 2017

Bhagavad Gita Como Ele É (epub Kindle) - Livro digital ebook


-BHAGAVAD-GITA:
Download: epub ou Kindle (mobi e azw3) ou PDF

*Aprenda: sobre ebooks.

Por milhares de anos, as maiores inteligências do mundo voltaram-se para a Gītā buscando respostas às questões perenes da vida. A sabedoria intemporal da Gītā desce até a raiz de nossos problemas e é tão relevante hoje como quando o Senhor Krishna a falou há cinquenta séculos. A Bhagavad-gītā Como Ele É — fruto da erudição e devoção de Śrīla Prabhupāda, um dos maiores devotos de Krishna em nossos dias — é a edição da Gītā mais amplamente lida no mundo ocidental.

Leia gratuitamente e carregue confortavelmente a versão digital "Bhagavad-gita Como Ele É" (idioma português) em qualquer lugar e a qualquer momento. Nesse formato "epub" ou "Kindle" você ainda pode ajustar dinamicamente o tamanho do texto, além de ser um arquivo pequeno, leve. Por exemplo: o arquivo da Gita em PDF tem 120 MB, já o arquivo em EPUB tem 2 MB. Use o seu smartphone/iPhone, ou tablet/iPad, ou Kindle/Kobo/Lev, ou computador/notebook, para ler a Gita em livro digital.

A Gita é apreciada por grandes personalidades, cientistas, artistas, políticos, militares, famosos, líderes, etc. Muitos não lhe pouparam elogios, e até mesmo certa reverência:

"Quando eu leio a Bhagavad-gita e reflito sobre como Deus criou este universo, todo o resto parece tão supérfluo." (Albert Einstein)

"J. Robert Oppenheimer, físico americano e diretor do Projeto Manhattan, aprendeu sânscrito em 1933 e leu o Bhagavad-gita no idioma original, citando-o mais tarde como um dos livros mais influentes para moldar sua filosofia de vida. Ao testemunhar o primeiro teste nuclear do mundo em 1945, ele mais tarde disse que tinha pensado na citação da Bhagavad-gita 'Agora eu me tornei Morte, o destruidor de mundos'." (Robert Oppenheimer)

"Sunita Williams, astronauta americana que detém o recorde de voo espacial mais longo de uma mulher, carregou uma cópia da Bhagavad-gita e Upanishads com ela para o espaço, disse: 'São coisas espirituais para refletir sobre si mesmo, a vida, o mundo ao seu redor e ver as coisas de outra maneira, eu pensei que seria bastante apropriado', ao falar sobre seu tempo no espaço." (Sunita Williams)

"A Bhagavad-gita tem uma profunda influência sobre o espírito da humanidade por sua devoção a Deus que se manifesta por ações." (Dr. Albert Schweitzer)

"A idéia de que o homem é parecido com uma árvore invertida parece ter estado presente em eras passadas. O vínculo com as concepções védicas é fornecido por Platão em seu Timaeus no qual afirma: 'Eis que não somos uma planta terrestre, mas uma planta celestial.' Esta correlação pode ser discernida pelo que Krishna expressa no capítulo quinze da Bhagavad-gita." (Carl Jung)

"A maravilha da Bhagavad-gita é a sua bela revelação verdadeira da sabedoria da vida que permite à filosofia florescer na religião." (Herman Hesse)

"A Bhagavad-gita é uma verdadeira escritura da raça humana, uma criação viva e não um livro, com uma mensagem nova para cada idade e um novo significado para cada civilização." (Sri Aurobindo)

"A Bhagavad-gita trata essencialmente do fundamento espiritual da existência humana. É um apelo de ação para cumprir as obrigações e deveres da vida; ainda mantendo em vista a natureza espiritual e maior propósito do universo." (Pandita Nehru, primeiro-ministro da Índia)

"O primeiro-ministro turco, quando perguntado o que lhe deu a coragem de enviar tropas turcas para Chipre. Sua resposta foi: 'Ele foi fortificado pela Bhagavad-gita que ensinou que se alguém fosse moralmente correto, não seria preciso hesitar em lutar contra a injustiça'." (Bulent Ecevit, primeiro-ministro da Turquia)

"Não hesito em pronunciar à Gita uma representação de grande originalidade, de sublimidade de concepção, de raciocínio e de dicção quase inigualável, é única entre todas as religiões conhecidas da humanidade." (Lord Warren Hastings, primeiro governador da índia britânica)

"Que o espiritualista não precisa ser um recluso, que a união com a vida divina pode ser alcançada e mantida no meio dos assuntos mundanos, que os obstáculos a essa união não estão fora de nós, mas dentro de nós - essa é a lição central da Bhagavad-gita." (Annie Besant)

"A filosofia indiana teve uma influência enorme no poeta americano Eliot, que tinha estudado filosofia indiana e sânscrito durante seus dias em Harvard, de 1911 a 1914. Em seu poema intitulado 'The Dry Salvages', Eliot menciona o diálogo entre Krishna e Arjuna, na Bhagavad-gita, para descrever uma conexão entre o passado e o futuro, e enfatizar que é preciso seguir a vontade divina, ao invés de buscar ganhos pessoais." (T. S Eliot)

"A fim de abordar uma criação tão sublime como a Bhagavad-gita com plena compreensão, é necessário sintonizar nossa alma com ela." (Rudolph Steiner)

"A partir de um conhecimento claro da Bhagavad-gita todos os objetivos da existência humana se tornam cumpridos. A Bhagavad-gita é a quintessência manifesta de todos os ensinamentos das escrituras védicas." (Adi Shankara)

"A Bhagavad-gita é talvez o mais belo trabalho da literatura do mundo." (Hermann Graf Keyserling)

"Comparado com a Gita, o nosso mundo moderno e toda a sua literatura se parecem insignificantes e triviais. Em nenhum outro texto, o leitor é elevado e mantido em uma região de pensamento tão grande, pura ou rara quanto na Bhagavad-gita." (Henry David Thoreau)

"A Bhagavad-gita é a coisa mais profunda e mais sublime de que dispõe o mundo dos homens." (Wilhelm von Humboldt)

"Foi o primeiro dos livros, como se todo um império nos falasse; nada pequeno ou sem significância, mas grandioso, vasto e consistente, a voz de uma inteligência muito antiga." (Ralph Waldo Emerson)

"Este livro é um dos resumos mais claros e compreensivos da filosofia perene que já nos foram revelados; o seu valor persiste até hoje não somente em benefício da Índia, mas de toda a humanidade." (Aldous Huxley)

"Quando as dúvidas se apoderam de mim, quando me defronto visivelmente com decepções, e não me resta mais nenhuma esperança, recorro à Bhagavad-gita e encontro um verso que me conforta. Imediatamente começo a sorrir em meio ao mais angustiante pesar. Aquele cuja meditação inspira-se na Gita sentirão uma alegria que se renova a cada instante e descobrirão novos significados a cada leitura." (Mahatma Gandhi)

Livro impresso:
sankirtana.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário